Dicas de adaptação

adaptacao escolar

1 – Na adaptação escolar você deve começar examinando seus próprios sentimentos sobre a pré-escola. O que quer que o seu filho tire dela? O que é importante para você em um programa pré-escolar? Você está achando a idéia de seu filho ir para a pré-escola difícil? Esteja ciente de que se estiver em dúvida sobre o seu filho ir para a escola, então ele certamente sentirá esses sentimentos e ficará mais susceptível a expressar ansiedade devido à separação. Você precisa garantir que seus próprios sentimentos sejam positivos para que a experiência da a criança também seja positiva.
2 – Tire um tempo para visitar as pré-escolas em seu bairro. Elas frequentemente permitem que você as visite em horário de aula e que seu filho brinque. Faça isso com bastante antecedência. Muitas pré-escolas têm listas de espera. Faça perguntas como:
• Quais as habilidades exigidas para os professores? Que tipo de experiência e formação eles têm? Será que eles vão deixar você ficar na sala até que seu filho fique confortável com sua saída? Como eles confortam uma criança chateada?
• Qual parte do programa é dirigida pelo professor? Quais escolhas as crianças podem fazer?
• Eles vão servir os lanches ou seu filho precisa levar comida? Há algum alimento, como o amendoim, que não é permitido?
• As crianças precisam saber usar o banheiro para participar das aulas?
•Haverá crianças com necessidades especiais na sala de aula?

3 – Deixe seu filho ciente na noite anterior que ele vai para a pré-escola no dia seguinte.
Alegremente diga: “Advinha o que vai acontecer amanhã? Pré-escola!”
Arrumem juntos um almoço ou lanche. Deixe-o seu ajudá-lo a decidir o que colocar na lancheira. “Você gostaria de uma laranja ou uma maçã para o lanche na pré-escola?” Fique animado e diga coisas como, “Aposto que você está ansioso para brincar com os carrinhos.” ou “Ei, você poderá ver a Michelle amanhã.”

4 – Chegue cedo. Certifique-se de deixar bastante tempo para chegar lá para que vocês não precisem correr. A pressa pode deixar vocês ansiosos! Quando chegar, pendure o casaco dele e guarde o lanche. Em seguida, leve-o para fazer xixi, se já não tiver feito isso antes de sair de casa. Isso vai poupar o tempo dos professores e reduzirá a chance de acidentes. Deixe seu número de telefone celular com os professores, caso eles precisem entrar em contato com você.

5 –  Se for a primeira vez de seu filho, peça para ficar na sala até que ele fique confortável sem sua presença. Planeje ficar por ao menos uma hora. Fique confortável; leve um livro ou revista! Escolha um lugar para sentar, onde seu filho possa vê-la na maior parte do tempo. Sente-se e deixe seu filho criar um vínculo com o professor pré-escolar. Tente não ficar andando pela sala; fique em um local de modo que ele se sinta seguro, mas esteja disposto a se levantar e ajudá-lo se for solicitado. O tempo que você precisará ficar vai depender do seu filho. As crianças que são muito confiantes e têm experiência em interagir com estranhos precisarão de menos tempo. As crianças mais tímidas precisarão de mais tempo. Prepare-se para ficar durante 1 dia a 1 mês ou mais.

6 – Quando sentir que ele está se adaptando e está pronto para você deixá-lo, discuta sobre o assunto antecipadamente. Você pode começar deixando-o sozinho por períodos curtos e ver como ele reage. Nunca vá embora escondido; sempre o deixe ciente de que você está indo e que vai voltar. Você pode dizer “Mamãe está indo comprar um pouco de sorvete enquanto você está na pré-escola. Quer que eu compre morango ou baunilha?” Se ele ficar preocupado, você pode dizer “Mamãe vai ser muito rápida. Michelle vai cuidar bem de você. Nós podemos tomar o sorvete depois que a aula acabar.” Dê um beijo e um abraço nele e diga: “Você pode fazer um artesanato para mim enquanto eu estiver fora?” Alguns pais podem dar ao filho um brinquedo especial para cuidar deles. “Você vai cuidar bem do Peludinho enquanto eu estiver fora?”

7 – Quando ele estiver confortável com os professores e com a sala de aula, será mais fácil ir embora. Sempre que ele manifestar preocupações, ouça e tranquilize-o: “Você vai se divertir muito com o João enquanto a mamãe vai na biblioteca pegar alguns livros.” Abrace-o/a.

8 – Cumprimente o seu filho alegremente na hora em que for buscá-lo e abrace-o. Quando encontrá-lo, faça perguntas do tipo: “Você se divertiu?” ou “Com quais brinquedos brincou hoje?”, ou “O professor leu algum livro para vocês?”

9 – Esteja atento e seja flexível. Observe para ver como o seu filho está se adaptando. Você sente que ele está criando um laço afetivo com os professores? Ele se anima ao falar sobre toda a diversão que está tendo? Certifique-se de ouvi-lo sobre como ele se sente e estar preparado para fazer alterações, se necessário. Se achar que ele está começando a agir de forma estranha em casa, pense em reduzir o número de dias que ele vai à escola ou mude-o para uma pré-escola com uma classe menor. Se você sente que ele precisa mais de você, ofereça-se como voluntário. Os professores podem gostar da ajuda extra.

10 – Orgulhe-se de seu “meninão” ou “meninona”. Ele(a) está crescendo rápido!

 

Fonte http://pt.wikihow.com/